Site de Poesias

Menu

COMPLETUDES

[Ilustração não carregada]


Querer andar por todos os caminhos
Viver todas as possibilidades
Sentir todos os sabores,
Todos os aromas
Todas as sensações...
Transitar por estilos diferentes
Vestir todas as modas
Crer e descrer, aceitar e duvidar
Questionar, inverter, desconstruir
E tornar a fazer diferente
E tornar a fazer igual
 
(Fazer do mundo
Espaço infronteiriço)
 
Talvez seja demais
Para o homem que sabe
O quanto a vida é pequena
Para caber tudo isso
 
(Viver milênios e milênios
Com alegria)
 
Ainda é pouco
Para o poeta que sabe
O quanto tudo isso é pequeno
Dentro da poesia.
 
Oldney Lopes© 

Compartilhar
Oldney Lopes
29/07/2009