Site de Poesias

Menu

Procurando o Amor

Se alquem , por favor, encontrar o amor,
Fale pra ele passar lá em casa,
Pra uma conversa definitiva
E com certeza bem ... bem demorada,
Porque espero sua visita à tempos
De mesa pôsta , de casa arrumada...
Mas ele não apareceu...
Não me ligou ... não me disse nada! ...

Se alquem, por favor, encontra o amor,
Diga-lhe que será bem vindo!
Mas não espere me encontrar alegre
E não espere me encontrar sorrindo,
Pois nesse tempo que ele não veio
A solidão que em minha casa andou vindo...
Vai me encontrar quieto, calado,
Sem palavras para o ando sentindo!

Alquem, por favor, encontre o amor
Pois tudo começa a se destabilizar;
Diga que é caso de vida ou morte
E com urgencia lá em casa passar!
Diga que o poeta calou os seu versos,
Porque de amor queria falar,
Mas toda vez que se cria inspirado,
Era só tristeza ... ... e a alma a chorar !

Quando alquem, por favor , encontrar o amor,
Diga que estarei o aquardando,
Mas que não se prenda pelo caminho,
Para que meu tempo, não se vá acabando,
Antes que de minha casa a alegria se vá
E a alegria e o vigor acabe se afastando,
Deixando-me inutil perante a vida,
Coberto de pó e saudade eu acabe ficando ...!

Compartilhar
Elias Beraldo da Silva
08/06/2009