Site de Poesias

Menu

* O encanto da bailarina *

[Ilustração não carregada]

Se ergue altiva a bailarina

em passos suaves e elegantes

parece ave de rapina

expressa com o corpo a paixão dos amantes

num encantador ballet suplicante

Se pudesse voar, certamente alcançaria

as nuvens na amplidão do céu

e de lá então sorriria

com as sapatilhas atadas aos pés

bailando em plena harmonia, ao léu

 

                   * Úrsula Avner *

 

* poesia com registro de autoria

* imagem retirada de pesquisa feita no Google

 

 

 

Compartilhar

Olá pessoal, como eu adoro e já estudei ballet na infância e na juventude, escrevi esta poesia que é uma " Décima ", como uma singela homenagem a todas as bailarinas. Agradeço a presença e carinho de cada colega do site e de cada um que me visita. Bjs no coração.
http://www.ursulaavner.co...
http://ursulaavner.blogsp...
http://poesiasinfantisdeu... em meu cantinho


18/04/2009