Site de Poesias

Menu

quem sou eu

quem sou eu
sou a faca que corta seu coração
sou a ferida que nunca cura
sou o dor da alma sou príncipe
ou plebeu sou sua sede
de enlouquecer, gritar, chorar, se cortar ou fingir que ama
sou a tristeza de seus olhos a cura de sua fraqueza sou o câncer q coroe sua carne trazendo dor e sofrimento
sou uma criança que nasce com sua inocência
ou um velho que morre com seus pecado
implorando perdão sou a tristeza e nunca fui a alegria
sou o beijo de um suicida
sou o caminho da morte sou a flor que mucha e seca sou a saudade que te sufoca
a terra que e cobre
sou seu anjo que te ama

Compartilhar
DARKENESS
09/04/2009

  • 1 comentário
  • 69 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados