Site de Poesias

Menu

AMOR?

[Ilustração não carregada]

Há sentimentos que enganam

Por serem assim, às vezes

ao amor profanam

Ficam a circundar as mentes

Trazem imaginações impuras

Agonias permanentes.

As pessoas quando amam se entregam

Quando tomam posse se apegam

Apego de porder

poder demais

Além daquele que se pode ter.

O poder de amar e ser amado é sublime

O poder da posse e do ciúme reprime

Suprime as paixões

Destrói os corações

Arranca a bondade

Leva à insanidade!

De repente amor é isto?

Uma coisa louca sem juízo?

Não! amor é diferente

Mais vale o outro que a gente!

Amor é um olhar tranquilo

Que se dá de forma diferente.

Amor tem dono, não nego

Mas à dona do meu amor não me apego

Se for posse, ciúme, renego

Se for amor verdadeiro me entrego.

Palavras simples, curtas, mas que podem ensinar

Amor não é poder, amor não é mandar,

Amor é simplesmente torcer

Amor é simplesmente se dar

Amor é confiar

Amor só se precisa conjugar

Amor, verbo amar...

Compartilhar
marcos cesar santos de vasconcelos
16/12/2008

  • 2 comentários
  • 427 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados