Site de Poesias

Menu

Comentários da Poesia "Tenho saudades", de Elisa Gasparini

ATENÇÃO: Os comentários aqui registrados não representam a opinião da equipe do Site de Poesias, nem mesmo recebem o seu aval. A responsabilidade pelo conteúdo dos comentários é inteiramente do autor dos mesmos. Ao poeta é reservado o direito de remover os comentários de seus poemas, quando achar por bem fazê-lo.


Cara Elisa, vc me emocionou..
São palavras que nos elevam ao espírito , pois quem sente a quem amou perto de sí, a egrégora do amor que foi base e ninho para continuarmos amar.... divinizará o passado , sagrando o presente com o dom da vida!
Parabéns!
William Marmonti
william

05/11/2008

Menina....... saudades de quem ja se foi.... sempre teremos boas lembranças ... eternas recordaçoes..... É duro..... nao queremos que fosse assim.....mas um dia tambem deixaremos saudades pra alguem.... voce como sempre me trazendo lindas poesias, belos textos...Gostaria de colocar vc no ciganita domingo que vem. que tal?
eu posso escolher uma das suas poesias, pra te homenagear?
beijoca
ciganita

www.ciganita.zip.net
Ciganita

04/11/2008

Querida Elisa, fiquei emocionada, aliás falar de tais perdas muito me afeta...gosto de crer que existi muitas vidas e que ela nunca morre... perder alguém que amamos como pedaço da gente é dor avassaladora, só por Deus para continuar...
Estar linda a homenagem poetiza.

Um otimo dia!
Eliane Pires

04/11/2008

Elisa querida, li os teus versos e tenho apenas um comentário a fazer: tu derramas poesia, sei que só nela (na poesia) e através dela,expõe a tua doce alma.És poeta, querida e felicito-lhe por este teu dom.Alegra-te, pois.ele é dado por Deus aos escolhidos, e dentre os escolhidos, os abençoados recebem a sabedoria de conduzi-los com destreza, com sentimento, com paixão d´alma.Bjs. Otelice

Cara poetisa através da metafísica podemos recompor nossos passos e refazer nossos sentimentos que outrora foram expurgados de nós pelos acontecimentos naturais da vida e da morte. O seu texto contem um sentido filosófica que de certa forma perpetua o luto e dentro do espaço real entra a saudade dos entes queridos pelos quais nutrimos e guardamos os mais belos sentimentos. Parabéns pelo seu belo texto e pela ousadia em desnudar sua álma perante um tema tão dolorido.

J.A.Botacini

Zezinho.
Jose Aparecido Botacini

04/11/2008

Querida Elisa,
A dor do luto por alguém que amamos e que se ausenta de nossa vida, é sempre marcante e deixa mesmo, muitas saudades fincadas como estacas no solo do coração. Falar sobre a morte, seja de modo fictício ou com base em fatos reais, é sempre um desafio. Falar sobre a morte de forma poética , é um desafio sobremodo difícil. Você desafiou a morte através da poesia e a transformou em algo sublime. Amei a forma bela, intensa e tocante com a qual você elaborou e organizou os versos. As suas saudades agora, estão lindamente poetizadas ! Um beijo.

lindo poema, cheio de inspiração. Suave como as ondas do mar.
deusaii

04/11/2008

Saudade sempre fica
na alma e no coração
e no silêncio da dor
é como se sentisse perto
os passos entando como um eco
na casa vazia,e vemos então que tudo
é apenas uma lembrança
que por anos da nossa vida
ficará em nossa lembrança.
Eu tbm me sinto assim
perdida com a morte de minha mãe tão recente.
Lindo e emocionante poema.
Parabéns poetisa, obrigada pela sua visita.
Um beijo no seu coração!!!
Rose Mari Schmid

04/11/2008

Sem duvida que existem anjos e tem sexo!!

:O)

Beijooos e sorrisos para essa linda poesia!!

Caminhante Lunar
Bruno Dias

04/11/2008

Voltar à poesia