Site de Poesias

Menu

DISTÂNCIA

[Ilustração não carregada]

Quero...
Porém, há lonjura e desencontros
Contento-me com palavras
Acho que posso, desta forma, abraçá-la

Mesmo de longe,
Tenho-te como meu pronome.
Persuado-me
Sou possessivo.

Mesmo que estejas do outro da ponte
Gritarei teu nome.
Que meus ecos rompam a mensuração
Da longitude que nos separa
E como antes já te amara

Mesmo que seja longínquo
Esbarrar-nos-emos como outrora
Era um amor de menino
E atualmente
Veemente aflora...

Compartilhar

NOVA FRIBURGO - RJ

THIAGO S. A.
02/11/2008