Saudades

Saudades

Saudades
 
Da estante, me sorris trigueira.
Cabelos revoltos ao vento.
Saudades. Banhos na cachoeira.
 
Foi mágica a tua ternura.
Embriagou-me teu acalento.
Saudades. O tempo emoldura.
 
Saudades. Sofri dissabor.
 
Saudades. Destino traidor.

Mardilê Friedrich Fabre

Mardilê Friedrich Fabre
© Todos os direitos reservados