Site de Poesias

Menu

ESCUTO TEU CHORO

[Ilustração não carregada]

Hoje escutei teu choro
Incomodava-me
Não podia ignorar
Suas lágrimas pingavam
Sobre minha pele
Não eram breves
Sempre lembro
Agora, aflito fico
Me ferem
Não posso socorrer-te
Sei que sofres calada
Que faço minha amada?
Estamos algemados
Impedimentos abstratos
E tu tens também os concretos...
Nossas lágrimas se encontram
No mesmo rio
Tudo isso hoje
É um desafio
Que em outra vida foi
Um martírio
Agora, encontram-nos
Desabafamos muita coisa
Mas que talvez não dê tempo
De resolver nesta
Ou não?
Precisamos evoluir um pouco mais?
Sabes da minha imaturidade
Inocência...
Reflexo de pouca idade
Sinceramente?
Sinto que tudo pode acontecer
Hoje não posso ajudar
Resolver
Acho melhor esperar o anoitecer
E crer que você não desistirá
Pois estarei sempre aqui
A te amar...

Compartilhar

é simples; mas, vem das profundezas da alma... NOVA FRIBURGO - RJ

THIAGO S. A.
20/10/2008