Vazio

A tarde me envolveu em seu abraço solitário
tentei procurar sua presença, notei de fato a sua ausência...
meus pensamentos percorreram em segundos os quilômetros
que nos separavam mas não te encontraram...
apesar da tarde quente, um frio interior tomou conta do meu ser,
meu coração chorou, era a falta de você...
um vazio se formou, nada me alegrava, os filhos ainda tentaram
preencher aquela lacuna mas tudo foi em vão
vazio estava meu coração...
a noite não demorou a chegar, novamente o vazio ocupava o seu lugar
eu não queria me desesperar, uma semana sem você
eu não iria aguentar...
os minutos pareciam horas e horas pareciam dias
eu sentia falta de você...era como se uma parte de mim
houvesse se desprendido do meu corpo, eu estava incompleto...
não sei por certo quantas coisas eu imaginei para ter você comigo
pensei na viagem, na chegada, mas esperava a sua volta
mesmo antes de você haver partido...
a noite chegou, apenas a lua naquela noite me sorriu,
parecia querer me fazer companhia, olhei e vi nossa cama vazia
e o sono que de mim fugia...
apesar da noite quente, sem você era fria, as horas não passavam,
os pesadelos me prendiam e ao mesmo tempo me assustavam,
pois na escuridão do nosso quarto era outra imagem que eu via...
a noite enfim passou o sol despontava seus raios entre as árvores
e os pássaros cantavam alegremente anunciando novo dia
minha rotina seguia...
sem você fiquei esses dias, em tristeza se tornou minha alegria
tudo era vazio nas dependências da casa e em mim, nada me preenchia...
mas você enfim voltou, a solidão acabou, a tempestade cessou
agora com sua presença quero celebrar o nosso amor...

...uma semana distante da amada, o meu coração reclamou sua ausência...nada podia preencher o vazio daqueles dias...minha alegria era triste...nada me satisfazia...mas quando ela voltou, a vida me encheu de vida...e o resto da tarde foi pouco para celebrarmos o nosso amor...sua presença me encheu...
Zeca Moreira
© Todos os direitos reservados