Site de Poesias

Menu

Em Tua Presença

[Ilustração não carregada]

 
Começo dizendo: “Venha!”
Abro meu coração,
Digo: “Tome posse”
Arrepio-me todo,
Sinto um enorme calor,
Cada corrente de frio é como o abrir de uma geladeira.
 
Minha cabeça lateja,
Meu coração bate como se fosse pura paixão,
Olhos mais aguçados o vêem pulsando,
Minhas mãos tremem,
E eu não quero abrir meus olhos.
 
Sinto vontade de cantar,
Ouço outras vozes fazendo orações em línguas, variadas.
Eu quero cantar.
Acabo dizendo: “Eu presto, sei que presto!”
E choro compulsivamente.
 
 
Mahhal
14/03/2008

Compartilhar
Tadj Mahhal
14/03/2008

  • 2 comentários
  • 186 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados