Site de Poesias

Menu

A última


Meu amparo
Meu disparo
Meu sorrir
Meu entristecer
Meu verso
Meu excesso
Meu amor
Minha dor
Meu querer
Meu sofrer
Meu buscar
E não encontrar
Minha paixão
Minha solidão
Meu mundo
Quase tudo
Meu chegar
Ao meu partir
Alma apaixonada
E hoje é nada
Versos meus
Que hoje digo adeus

Compartilhar

A poesia foi por muito tempo a companheira nas horas tristes e felizes..
Mas acredito que hoje ela não está me fazendo bem..
Podem ter certeza que voltarei...

Jaque Barbate
24/02/2008

  • 9 comentários
  • 218 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados