Site de Poesias

Menu

A MULHER VINGADORA!

 

 

A mulher vingadora.

É uma tremenda usurpadora!

Vive descontente com todos.

Vive descontente com o mundo!

Seu coração é pior do que.

Uma poça de lama imunda!

É cheia de complexos.

Vive do invés ao convexo!

Não tem sensibilidade.

É cheia de falsidade!

 

 

 

O seu pensamento.

É puro veneno mortal.

Destilando à todo momento!

O seu sentimento de inveja.

É muito mau.

Pois fede mais que salmoura.

De velho bacalhau!

Não tem coragem nenhuma.

Vive na mais escura das brumas.

Da sua própria ignorância!

 

 

 

Ela não tem sensibiidade.

Nem para amar!

Nem para o coração.

De um homem conquistar!

Vive angustiada que barbaridade!

Não consegue se revelar.

Quando outra consegue.

Um amor conquistar.

Seu veneno anonimamente.

Começa sobre a outra destilar!

 

 

 

 

 

VALDIR PINTO!

Compartilhar

Esta Poesia retrata o Coração de uma Mulher Mal Amada! Chamada de Vingadora! Que se pronuncia Anônimamente fazendo ameaças por ciúmes inveja e por ser mal amada!

Valdir Pinto
21/02/2008