Mais uma vez


Tantas vezes lágrimas rolaram
Tantas vezes dores criaram
Partindo do desencontro de palavras
Que minh'alma não decifrava
Até quando irei assim caminhar
De totalmente se entregar
Esquecendo o mundo a minha volta
Acontecendo sempre a reviravolta
Olhares, frases e atitudes
Que fazem de nós a virtude
Do ontem, hoje e amanhã
Idealizados como talismã
Mas o mundo pára ao ver
Quando o não dito é dito
E o bem querer a desfalecer
Tornando o coração aflito
E mais uma vez contrito...

Faculdade

Jaque Barbate
© Todos os direitos reservados