Site de Poesias

Menu

O Beijo

Eu nunca imaginei estar sentado aqui, como hoje
falando de coisas que nunca vivi, sem ter certeza do que viverei
eu nunca imaginei necessitar tanto de teus lábios
como preciso agora....
nunca imaginei ter que fugir de uma situação que tanto esperava
meditar cada palavra de um segredo mantido
obliterado, obstruído pela singelidade de um beijo.
Beijo, fugir de um beijo, mas homens fogem de beijos?
não sei, mas desse beijo eu fujo, mais veloz que um desejo
um pensamento subtraído da minha intelectualidade.
Intelectual não sou, apenas um romantico esquecido na volúpia do tempo
víbora assassina de momentos inesquecíveis,
quando te encontrei perdida entre a linha do acaso,
quando te toquei na ânsia de ver teus olhos brilharem
cristalizando as lágrimas que se negaram a cair ,
antes do beijo 

Compartilhar
Fábio Avanzi
19/06/2007

  • 0 comentários
  • 214 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados