Site de Poesias

Menu

Vendo os cacos e retalhos...

[Ilustração não carregada]


Vendo os cacos e os retalhos...
 
Juntando “cacos” de uns, “retalhos” de outros,pedaços de mais outros e os meus próprios pedaços, cacos e retalhos, o que se tem?
Ora, são cacos de amor, retalhos de paixão, pedaços de sonhos que outro alguém desfez...
Se pudéssemos juntar tudo, seria uma “cacaria retalhada” de amor e paixão...Útil? Talvez. Para quem seria? Aí seria muito querer saber. Mas com certeza seria um produto feito de sonhos, amor e paixão. Bonito? Ora, o amor sempre é bonito. Teria o brilho da Jaque, da Sônia, da Charly, da Vânia, da Rita, da Célia... Talvez fosse uma construção firme, com as tramas dos versos meus e de tantos outros que apesar de tudo, continuamos “costurando” e elevando a poesia. Uma palavrinha aqui, aperta, dá um laço de sentimentalismo, um nó de inspiração, um tijolo de esperança.... E vamos formar uma bela composição. Seria uma construção surreal, mas seria...
Mas que poderia acolher quantos cacos e retalhos se formem nas nossas desilusões do cotidiano.
 
Que tal até um nome?
 
UNIÂO POÉTICA DOS CACOS E RETALHOS...
 
(Plagiando: Um beijo a todos que aqui passar)

Compartilhar

Vendo poesias que falam de "cacos e retalhos"...

Para todos... Trabalho/Curitiba

Poeta_ctba (Felix)
29/05/2007