Site de Poesias

Menu

"A matéria do amor"


“A matéria do amor”
 
 
Não se faz com fórmulas e cálculos o amor,
Mas não existe uma equação tão perfeita,
Dois corações em corpos unidos sem pudor,
E o produto disto é uma cama desfeita,
 
Será por química que ele é feito?
Cheiros, sabores, uma mistura de pernas...
Beijos, braços, suores e muito jeito,
Transformando minutos em horas eternas.
 
Mas existem vales, montes e sendas profusas,
Rios e vulcões em erupção nesta Geografia...
Tornando então esta História confusa...
 
A qual matéria o amor pertenceria?
Sempre me faço esta pergunta...
Respondo: Sei lá, deve ser bruxaria...

Compartilhar

"Se alguém souber, aceito explicações convincentes sobre"...

Xilef
05/05/2007

  • 2 comentários
  • 449 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados