Site de Poesias

Menu

Respirando

[Ilustração não carregada]


Não importa a loucura,
O que importa é a pura
Sinceridade.
 
Quando falo a verdade,
Sinto dentro de mim
Um alívio assim:
 
Tudo o que é ruim,
Tudo o que me faz mal,
Vai embora pra fora.
 
De repente eu aspiro,
Todo o ar para dentro,
Lembro qual é o centro 
Dessa minha esperança.


E daí eu respiro
De verdade a bonança.

 

 

 

 

Compartilhar

São Paulo, SP - 28/03/2007

Rosely T. Sales
28/03/2007