Site de Poesias

Menu

HAVONA ILHA ESTACIONÁRIA!

[Ilustração não carregada]

Havona Óh Ilha Sagrada!

Nada se compára com teus Encantos!

Aproximadamente à Cem Decadilhões de Anos Luz.

Uma escala decimal muito Aquém da Imaginação do Pobre Homen Humano!

Apesar de tão desumano parecer!

Do centro do Universo veio aqui!

Um Homen para padecer horrores!

Havona Óh Ilha Bendita do Paraíso Central!

De onde veio o Santo Graal!

Para todos os nossos males expurgar!

 

Sinto-me extasiado com sua Beleza e seu Explendor!

É inconcebível que tanha Beleza e Explendor!

Não ficasse despercebida do furor!

Do Arqui Inimigo Enganador

Que com estrondo tudo modificou quando foi lançado do seu lar!

Óh Havona Ilha Amada dos Seus Santos Anjos, Arcanjos, Querubins e Serafins!

Na qual dimensão e tamanho não tem fim!

Quando elevo meu pensamento à TI!

Ilha Querida, Ilha Amada!

Por todos que Te Amam És Desejada!

 

Vejo A Luz do Teu Trono Sagrado!

Por todos os cantos de Minha Doce Alma Sendo Irradiada!

Quem me deras poder Voar como um Serafim!

Poder Elevar minhas Asas e Galgar as Alturas!

Deixaria para longe de mim toda amargura!

Mas veloz que a velocidade da luz!

Subiria Diante Maginifica Luz .

Luz que foi irradiada na Cruz!

Ao Acorde de todos os instrumentos, violão, harpa e sanfona!

Na Ilha Estcacionária de Havona!

 

Faria os mais Belos e Apaixonados Poemas!

Para Aquele que é mais Sublime!

Do que qualquer Teorema!

Talvez na combinação de Átomos!

Desintegraria todo meu Corpo!

E faria todas minhas Moléculas!

Se curvarem em Louvor e Reverências.

Ao Supremo Ser da Ilha Estacionária de Havona!

 

 

VALDIR PINTO!

 

HAVONA ISLAND ESTACIONÁRIA!

 

Havona Óh Island Sacred!

Nothing is compára with your Encantos!

Approximately to Cem Decadilhões of Light Years.

A scale decimal very Aquém of Imagine the Poor Homen Human!

Despite such inhuman opinion!

From the center of the Worlds came here!

A Homen to suffer horrors!

Havona Óh Island Bendita of Paradise Central!

It was the Holy Grail!

For all our ills purge!

 

I am extasiado with its beauty and its Explendor!

t is inconceivable that tanha Beauty and Explendor!

Not to be left unnoticed the furor!

Do Arqui Enemy Enganador What with.

Shout everything changed when it was released from its home!

Óh Havona Isle of His Beloved Santos Angels, Archangels, Querubins and Serafins!

At what scale and size has no end!

When elevo my thinking on IT!

Dear Island, Island Beloved!

For all that Te Amam És Desejada!

 

I see the Light of Thy Throne Sacred!

In every corner of Alma My Sweet As Irradiada!

I deras power as a seraph Fly!

Can Raise My Wings and Galgar the heights!

Deixaria away from me all bitterness!

But fast that the speed of light!

Subiria Faced Maginifica Light.

Light that has been irradiated on the Cross!

In Wake of all instruments, guitar, harp, sanfona!

In Island Estcacionária of Havona!

 

Faria the most Belos and Apaixonados Poems!

For He who is more Sublime!

Do any theorem!

Perhaps the combination of Átomos!

Desintegraria all my body!

And would all my molecules!

If curvarem in Praise and Reverências

The Supreme Being of the island Stationary of Havona!

VALDIR PINTO!

 

Compartilhar

Esta Poesia é uma Ode ao que De Mais Sublime Existe! O SUPREMO SER DA ILHA ESTACIONÁRIA DE HAVONA!



This Poetry is a Ode to the Sublime More From there! THE SUPREME BEING THE ISLAND ESTACIONÁRIA OF HAVONA! SÃO PAULO-SP.BRASIL!

Valdir Pinto
15/03/2007