Site de Poesias

Menu

SOU...AINDA

Sou o braço estendido,
para o amor proibido,
ainda que escondido.

Sou o abraço aberto,
para um amor desperto,
ainda que não descoberto.

Sou o amor inconseqüente,
que te ama loucamente,
ainda que demente.

Sou o amor insano,
do seu amor um plano,
ainda que um engano.

Renatinhuuuuuuuuuuuuu 04 de Setembro de 2006 18:31

Compartilhar

Apena mais um nada. Em casa vendo a TV globo as 18,31

Renatinhuuuuuuuuuu
04/09/2006