Simples assim

O tempo passou...
Não mais encontrarás em mim,
A menina que um dia fui.
Para trás ficou,
A maciez da minha pele,
O viço dos meus cabelos,
O vigor da minha voz,
A firmeza dos meus passos.


Mas continua comigo,
O brilho dos meus olhos,
Minha alegria de viver,
A fé no meu Deus,
A credibilidade no homem de bem,
A busca dos meus sonhos.


Não dou ao tempo o direito
De roubar meus bons momentos,
De me afastar dos que amo
Embora às vezes consiga,
De arrancar do meu peito a poesia.


A poesia me alimenta de versos,
Me faz acreditar na força do amor.
É ela que me faz enxergar o mundo com os olhos do coração.
Que grita todas as manhãs
Em meu ouvido:
Sê feliz! Simples assim...

Maria Isabel Sartorio SantosAil Itanhaém

Maria Isabel Sartorio Santos
© Todos os direitos reservados