O MURO


              CURTA POESIA N° 12

              (Progaires Martins)  

 

O MURO   

       

Depois do muro há outro mundo,

Talvez o mundo de muitos sonhos.

Encima do muro não há sonhos,

Há interesses individuais

E não sonhos comunitários.

É preciso pois, pular o muro,

Sentir o abraço das pessoas

Que tem a força da liberdade,

Do amor, da paz e da união

De lutar por um mundo sem muros.

Mossoró-RN