À ESTÁTUA DE CARLOS

À ESTÁTUA DE CARLOS

                                                                                           'No mar estava escrita uma cidade'
 
Uma estátua ganha novos óculos
- Onde é que já se viu estátua de óculos?! -
Essa seria só mais uma estátua
Se aquele homem por detrás dos óculos
Não fosse o 'gauche' e poeta Drummond!
Seu coração era mais vasto que o mundo
Ele que não era só mais um Raimundo
Na mão de vândalos sem coração!
Abandonado pelo seu anjo torto
À mercê de um descaso 'cultural'...
Não faz rimas, mas 'tá prosa' de óculos!
Sempre arrancados sei lá por qual preço!
Mas que não valem mais que a poesia
No legado que esse gauche deixou!

https://gustavoreymond.blogspot.com/