Site de Poesias

Menu

Insegurança

Sinto que não estou a altura
como se eu fosse perder o conquistado
procuro motivo, uso o imaginado
vêm sua voz e me cura

Talvez seja o medo de não te ter ao lado
mas minha insegurança me consome
e quando sinto seu cheiro some
em seus braços sinto-me colado

Domingos de agonia me entristessem
porém antes da segunda chegar
Vem seu beijo pra me salvar

Compartilhar

Sentimento de insegurança que me assola por temer a perda de um amor. Mas nunca o sentimento vinga, como se num subito extinto ela vem e me salva da agonia. AMOR ! Computador

Arthur Verona Fontes
29/05/2006