O amor é vermelho sangue

 

 

Sem o floreio do coração,

As flechas ferem.

Os anéis são de ouro.

Os véus encobrem.

É só você e o outro,

Na balança da razão.

Guilherme dos Anjos Nascimento

Guilherme dos Anjos Nascimento
© Todos os direitos reservados