Site de Poesias

Menu

O poeta

 

 

 

Embora negue descaradamente, cinzela no papel em branco, o poeta, sua própria alma.

 

 

Maria Isabel Sartorio Santos - Academia Itanhaense de Letras- Ail Itanhaém.

 

Compartilhar
Maria Isabel Sartorio Santos
30/08/2020

  • 0 comentários
  • 52 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados