O jardineiro

Um homem que quer fazer uma flor ser esplendorosa,

por altruísmo, dela retirará seus espinhos.

Deixará despetalar por si só a rosa,

Irá cultivá-la com dedicação e carinho.

 

Há de se durar mais a vermelha cor.

Há de ser a mais bela planta do terreiro.

Quando a rosa, sentindo o dedicado amor,

Retribuir, sendo cúmplice do jardineiro.

 

Guilherme dos Anjos Nascimento

Dedicação e reconhecimento. Tem um toque de O pequeno príncipe, aí!
Guilherme dos Anjos Nascimento
© Todos os direitos reservados