Site de Poesias

Menu

Saudade

 
 
Saudade
 
Odiar e amar sem poder.
Estar tão perto e tão longe de mim.
Ter tempo pra perdê-lo sem você.
Ser altivo platônico,
Decidido atônito,
Raivoso e amoroso.
 
É a saudade.
Que me espreme a glote...
e o coração.
Que me enche o saco ...
E os olhos .
Que me faz rir ....
E também chorar.
 
E Tudo isso misturado.
No sentimento ...
No invento...
No alento
da dor.
Guilherme dos Anjos Nascimento

 

Compartilhar
Guilherme dos Anjos Nascimento
01/07/2020