Site de Poesias

Menu

Minha casa

 

 

 

É pequena, minha casa,

simples mas tão singela,

têm frutos lá no quintal

e flores cá na janela.

 

 

Nela habita o aconchego,

seu tamanho é na medida,

acolhe filhos, família, 

e os que passam em minha vida.

 

 

Sol e lua, estrelinhas, 

fazem nela moradia,

lembranças doces, saudades

são as minhas companhias.

 

 

Mesmo sendo assim, miúda,

cabe nela a alegria,

cabem versos, cabe rima,

ela é pura poesia.

Maria Isabel Sartorio Santos - Academia Itanhaense de Letras- Ail Itanhaém

 

 

Compartilhar
Maria Isabel Sartorio Santos
24/06/2020

  • 0 comentários
  • 14 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados