Site de Poesias

Menu

DESEJOS

QUERIA LHE BEIJAR

LHE AFAGAR

FAZER-LHE ARREPIAR

MAS O TEMPO IMPEDE

SEU CORPO AUSENTE

SUA VOZ ECOA

MAS DE LONGE

E SUA IMAGEM VIROU FUMAÇA 

SUA LEMBRANÇA  APENAS

E EU QUERO TRAGAR

QUERO INSPIRAR

QUE ASSUMIR

MAS NÃO  CONSIGO

E CHORO

MAS O CHORO SAI SECO

SAI SÓ  PARA MIM

E EU VIVO ASSIM

ONTEM

HOJE

E PROVAVELMENTE AMANHà

E NA LEMBRANÇA  

VOCÊ 

VOCÊ 

VOCÊ. 

Compartilhar

SEI QUE A LEMBRANÇA SÓ DÁ VOCÊ. EM CASA.

Onivid ed Ortsac Saiuqalam
07/06/2020

  • 2 comentários
  • 38 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados