Site de Poesias

Menu

Papo de Marido e Mulher - Cena 3

O Sampaio tem um bananal, mas ele não vende bananas, distribui generosamente.
Eu disse a ele que quando ele morrer vai ser recebido lá na espiritualidade com um banquete só de bananas.
Ele disse:
- Não quero, prefiro ficar por aqui mesmo.
Eu inocentemente lhe disse:
- Tá com medo de morrer? Fica não! Selminha vai cuidar de você lá no céu também.
Ele:
- Cruz Credo! Acabou com a minha vida.

Compartilhar
Selma Nardacci dos Reis
03/11/2019