Site de Poesias

Menu

Maria vai com as outras II

Já faz mais de dez anos que foi aprovada uma lei, chamada Maria da Penha, que tinha como objetivo principal, proteger a mulher vítima de violência masculina, dar assistência às mesmas e punir os agressores com mais rapidez. Eu digo tinha, porque é evidente o fracasso e a ineficácia dessa lei. Mas, o foco central, dentro desse contexto social que vivemos, era que tais agressões regredissem e sendo muito otimista, não mais  acontecessem. Sonho meu. Mas, estamos no Brasil, o país das impunidades, onde as leis, que deveriam servir para o bom desenvolvimento e evitar o mal comportamento de seus cidadãos, sem distinção de classe social, servem apenas para...(tirem cada um sua conclusão). O tempo passou, e, como a maioria das leis que não vingam, essa parece ter sido mais uma. A lei Maria da Penha está indo com as outras, se perdendo em gabinetes políticos sendo reservada apenas para ser explorada em tempos de eleição.  Porque, a ferocidade com que as mulheres são atacadas mostra a impotência e a inoperância dessa lei. Em alguns casos parecem presas acuadas, sem saída, dominadas por seus predadores. Não é possível assistirmos diariamente notícias sobre feminicídio ou tentativa, mais de mil por dia, sem que as autoridades, baseadas na lei, tomem providências definitivas. Parece haver até mesmo um deboche, um insulto por parte dos agressores diante dessa lei. Não sei dizer se após a promulgação dessa lei o índice de feminicídio diminuiu ou se aumentou. O fato é que essa Maria da Penha está indo com outras tantas Marias, Mayaras, Joanas que, indefesas, perante a brutalidade masculina, perdem o direito de viver. Tornam-se Marias com sobrenome "objeto" que após o uso pelo seu "possuidor", porque é assim que muitos vêem sua esposa, namorada, amante ou companheira, descartam-nas da pior maneira imaginável em se tratando de ser humano, assassinando-as cruelmente. Quantas Marias ainda precisarão ser assassinadas para que o rigor da lei, se é que existe algum rigor nessa lei, seja realmente aplicado para evitar que ao término desse meu desabafo, mais uma, ou nenhuma Maria vá com as outras?

Compartilhar
Zeca Moreira
21/05/2019

  • 0 comentários
  • 15 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados