Site de Poesias

Menu

A Natureza e o corpo Humano


O corpo imita a natureza

Com os olhos atentos se percebe semelhanças 

Como as árvores desfolhadas lembrando os pulmões com seus brônquios e bronquíolos

Os olhos de tonalidades azul e verde da cor dos oceanos 

As pálpebras fechadas e os cílios parecendo a "boca" das plantas carnívoras

Cartilagem das folhas e as linhas das mãos lidas por algumas pessoas 

Os neurônios também se assemelham as árvores desfolhadas no outono 

A chuva que forma pingos nas janelas lembra os arrepios na epiderme 

Os rios que correm livres vistos de cima são como as estrias, marcas da pele 

A pele e as folhas com seus vasos condutores 

E a pele também como os troncos das árvores que mostram a idade 

As íris dos olhos são como nuvens cósmicas de gás e poeira a flutuar no espaço

Os seios que amamentam a vida são como as pétalas das flores 

E vários sãos os exemplos encontrados no corpo humano que lembram a natureza 

Mostrando da onde viemos e para onde vamos 

Da vida a morte 

Compartilhar

Para meu amigo Alexandre Pazin, em uma conversa hoje que me lembrou uma época onde escrevi algo parecido, baseado em um texto de um autor que no momento não recordo o nome. Faz muito tempo, eu tinha meus 16 anos. Botucatu - São Paulo

Marcela Hebeler Barbosa
13/04/2019

  • 0 comentários
  • 22 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados