Meus Passos!

São miudos meus passos

Que abraço a cada compasso

De sair feito louca a sorrir

Sem precisar me distrair

 

Arremeço com cuidado

De me sentir valorizada

E quando vejo minha arte

Deveras em mentes abalada

 

Busco na magia de cada olhar

O reflexo dos pensamentos

Nítidos porém com envolvimentos

 

Que faz fluir com sofreguidão 

Uma vista em plena escuridão 

Mas que brilha como um lampião! 

 

 

 

 

 

Mariana Cordeiro( Maryta)
© Todos os direitos reservados