Site de Poesias

Menu

Mistérios...

És aquela que eu chamaria se cresse em preces,

Pois és um anjo luminoso e puro... Minha menina!

Não és uma criatura moldada pela terra, és divina.

Em ti encontrei todas as respostas. E sou quem à ti careces...

 

Ainda que cego, tu serás a luz em meu caminho.

Meu amor por ti transcende as palavras: somente existe!

E assim o é para curar cicatrizes do passado e tudo o que é triste.

É um sentimento real feito com confiança, desejo e carinho!

 

Não sei definir o que tua face bela inspiras...

Mas estar contigo faz de mim um humano muito melhor,

Exacerba minha alma, que chama pela tua, enxuga meu suor

A escorrer as possibilidades e traz verdade a todas as mentiras...

 

Meu grande amor, és muito mais que imagem, és ideia!

Viverás eternamente em meu núcleo, aninhada em minha mente

Como a mais enigmática princesa, como um bem que meu ser sente

E não abre mão... Como uma fé encontrada numa ex cabeça ateia...

 

Danças matreira, minha bailarina atriz tão linda!

Sinto por ti algo que é intensamente puro... E cresce ainda mais intenso!

Suprema paixão, vida após a vida, amada em quem sempre penso...

Música a dois que começa, encanta... E nunca finda!

 

Tu és elementar para mim, indecifrável entre os mistérios...

Quero perder-me em ti, fascinado e intrigado com teu enigma.

Sangraria para que vivesses, carregaria qualquer estigma

E riria ao teu lado, até o fim, até dos temas mais sérios...

Compartilhar
Thiago da Silva Carbone
24/03/2019