Site de Poesias

Menu

MEUS SEGREDOS

NÃO POSSO CONTAR PRA NINGUÉM,

QUE ESSE AMOR EM MIM MORA

PENSEI SER POR POUCO TEMPO,

MAS QUE NADA !EM MEU PEITO 

FEZ MORADA!

E SE SAI, LOGO VOLTA,

PASSEIA PELAS ESTAÇÕES,

DE MIM QUER RESPOSTAS,

E A CADA VEZ NASCE DE NOVO,

E ENTRE SUSPIROS BUSCO SEU RISO,

POIS BASTA ELE PRA ME DESMONTAR INTEIRA,

ME FAZER REFEN, NÃO QUERER MAIS NINGUÉM,

E FICAR CERTA DE QUE APENAS SEU AMOR ME BASTA.

Compartilhar
Pituchinha
28/02/2019