Site de Poesias

Menu

SOFRENDO AINDA

Ainda que doa não te ter,

ainda não soube te esquecer,

pois a cada encontro inesperado,

meu coração faz um voo alado e corre pro seu lado.

E sem vergonha ou medo , te abraça e enlaça ,

desnuda meus segredos e faz de mim um brinquedo ,

que sem pedir licença te que por inteiro ,

pensando ser este meu amor derradeiro.

 

Compartilhar
Pituchinha
17/02/2019