Site de Poesias

Menu

TEMPERO INTELIGENTE

 
Grandes portas são abertas com pequenas chaves,
Esta verdade vem do coração, não das línguas...
Na realidade, os ventos levam para longe as palavras,
Pois aquilo que se inflama rapidamente, logo se extingue.
 
É cósmico ser taciturno,
Porque é no silêncio que se obtém prudência e sabedoria.
Com a tranquilidade aos nossos pés, observa-se o que convém,
Porquanto quando se vê apenas o que interessa,
Certamente se passa a ser cego por opção.
 
Na vida há muitas estradas:
Umas bem cuidadas; outras, esburacadas, cheias de obstáculos,
Porém aquele que se torna vencedor, é o que não pisa outrem.
O homem pode ser mais duro que o ferro,
Mais forte que uma pedra,
Contudo é mais frágil que uma rosa.
E o bom samaritano é o indivíduo
Que sabe escutar cem vezes, ponderar mil,
No entanto só em uma oportunidade abre sua boca.
 
É necessário ser sábio, compreensivo, solidário,
Visto que se a chama que há no íntimo da criatura apagar-se,
As almas que estiverem ao lado passarão a sentir frio.
O bom servo está sempre pronto a intervir...
É bom lembrar que por amor a uma rosa
O fiel jardineiro serve a mil espinhos.
 
Nada é tão difícil, nem tudo é tão fácil.
A própria água não discute com os obstáculos,
Não obstante contorna-os!
As vitórias não são perenes,
Elas são como um lago que ganha forma gota a gota.
 
Pequenos detalhes não analisados
Podem ser veredas para derrotas,
Basta lembrar que a mosca é ínfima,
Entretanto grande é o tormento que causa.
Não se deve dar tino ao orgulho,
A humildade é a alavanca do sucesso,
É como as palavras que são prolatadas com amabilidade:
Elas têm o poder para abrir portas de ferro.
 
O conhecimento é essencial para a vida.
Aquele que não ilustra seus filhos do saber,
Ensina-os a ser ladrões.
Tudo é passageiro:
A beleza passa, a riqueza às vezes se perde,
O saber é eterno.
Olhe sempre seus pertences, seus afazeres, sua casa...
O anfitrião é deveras empregado do convidado!
 
 
DE  Ivan de Oliveira Melo
 
 
POEMA INSPIRADO EM PROVÉRBIOS TURCOS.
 

 
 

Compartilhar
Ivan de Oliveira Melo
04/02/2019

  • 0 comentários
  • 14 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados