A ARTE

A arte é um instante de eternidade e perfeição.

A prudência é o olho de todas as virtudes

A bondade é o rico manancial

Que brota lágrimas ao tanque

Da menor comoção.

 

A arte de viver nos mostra 

Que só é digno da vida

Aquele que vai todos os dias

A luta por ela.

Se temos a possibilidade

De tornar mais feliz e mais sereno 

Um ser humano, devemos fazê-lo sempre.

 

Muitas rugas podem recordar

Momentos de alegria e não tiram

A dignidade do rosto

Não sejamos juiz da paz,

Mas anjos da paz

A moralidade é a melhor 

De todas as regras

Para orientar a humanidade.

 

 

 

 

 

MARCOS AURELIO CUNHA
© Todos os direitos reservados