Site de Poesias

Menu

Meu anjo Serafim

Mulher...
Você é tão linda.
Seu sorriso é tão pleno.
Anseio pelo beijo da sua boca,
Mas com medo do seu veneno. 


Veneno do bem, que faz refém.
Do seu sorriso lindo.
A pele de Ouro marrom que tem.

 

Eu sou sapiofílico.
Então deixa eu te falar.
Que quando o L do meu nome estala na sua boca, eu fico a delirar.

 

Seu coração tão machucado...
Eu só observo...
Segura minha mão, deixa eu te curar.
Deixa eu te amar.

 

Eu só espero um convite seu.
Pra ser chamado seu.
Cuidar do seu coração que Deus deixou um pedacinho especial pra mim e chamar o mesmo de Meu.

 

Moça, você é tão linda.
Veja a mulher que se tornou.
E a "moça da minha cor" era só uma menina.

 

364/365
Eu tenho que te falar o que penso.
Ir além daqueles sonhos onde tínhamos filhos.
Do suco que não terminou.
E do tombo que eu quase levei.
A atitude que você esperou e eu nunca tomei.

 

Você fogo e eu também sou.
Você é dura na queda. Adrenalina intensa. Vamos causar incêndios!? 

 

Apagando o fogo com gasolina a gente se ama.
Muito mais do que os filmes de romance e qualquer drama.
Podemos ser mais que uma noite em um quarto e uma cama.

 

Eu nunca baixo a Guarda.
Você também não.
Só quando a gente ama.

Compartilhar
Alexandre Cezar Fh
30/12/2018