Site de Poesias

Menu

NO SHOPPING


No shopping passeio
Aliviando a mente
Enquanto aguardo
Por um momento
De calma aparente

No hall espero
Vendo tipos passarem
Momentos de encontro
Lívidos seres pensantes
Sem saber direção a tomar

Encontrar um momento
Que ilumine este estar
Que não judie a fronte
E ansiando pela calma
Que demora e não vem

Atento os olhos procuram
Um semblante que conforte
Mas impossível na massa
Qual pasta disforme passa

Nos corredores sem ir
Procura uma âncora
Que não está nos rostos
Sente frio e se encolhe

Na passagem para espera
Pelo novo que estremeça
Esta apática alma ansiosa
Quer do passeio a calma

Na busca do momento
Espera o instante
Que de luz brilhante
Atenda seu intento
E lhe diga calma
A vida esta presente

Oprimido só anseia
Sentado nos bancos
Ó alma se apoquente
E espere o momento
Do alivio desta mente

"A felicidade provém do íntimo, daquilo que o ser humano sente dentro de sí mesmo' Roselis von Sass - graal.org.br

Compartilhar
HSERPA
27/12/2018

  • 0 comentários
  • 20 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados