Site de Poesias

Menu

UM DEUS DORMIU LÁ EM CASA...

 

UM DEUS DORMIU LÁ EM CASA!*

 

Zeus viu Alcmene , linda a se banhar:

E então pleno de desejo ,apaixonado

Desceu à Terra e sem nem pensar:

Chegou pra jantar!Sem ser convidado...

 

O marido sentiu-se feliz e muito honrado,

Em receber, pobre mortal ,o maior deus

Chefe do Olimpo, o "manda chuva" ,Zeus!

Este chegou e numa cadeira acomodado:

 

Pediu vinho que Anfitrião foi logo buscar,

Andava ,andava e o lagar mais se afastava...

Só parando quando Zeus o desejo saciar

 

Conseguiu! Anfitrião voltou com o vinho:

"-Se era para isso ,o que tinha bastava..."

Falou ao ver o casal dormindo agarradinho...

 

Pedro Paulo da Gama Bentes/ 2018/01/17

*Título de uma peça de teatro de Guilherme de Figueiredo levada no TBC por Tônia Carreiro, Paulo Autran e Adolfo Celi(?).
 

 

Compartilhar
Pedro Paulo da Gama Bentes
25/12/2018

  • 0 comentários
  • 24 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados