Site de Poesias

Menu

VEIAS RECOMPOSTAS

Demétrio Sena, Magé - RJ.
 
 
Hoje sei que vivi; levei meus tombos,
mas me dei de presente a caminhada;
não fiquei sem saber no que daria;
minha estrada foi tudo pros meus pés...
Dei aos olhos um álbum de paisagens,
li o mundo nas linhas, entrelinhas,
vi miragens e dei ao meu deserto
mais verdade, sentido e direção...
Uma vida com muitas quase mortes,
muitos cortes e veias recompostas;
de respostas temidas; esperadas...
Tive todas as vidas, não importa
se a porta pro fim já é notória;
deixo história que vai além de mim...


Compartilhar
Demétrio Sena, Magé - RJ.
04/10/2018

  • 0 comentários
  • 15 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados