Site de Poesias

Menu

Minha punição é o descaso de Deus.

 
“Não há (Foro) privilegiado para pessoas comuns”
Porque a vida não é honesta com todos os seus semelhantes...
O que há é um pequeno resquício de esperança de que a vida
nos trate como iguais, sobretudo porque viemos do mesmo pó e
 para o mesmo pó voltaremos.... Sinto-me impotente diante de fatos
ou contusões imposta pela vida, chego a perder as esperanças nos
homens, porque suas atitudes por vezes vão na contramão
daquilo que creio e que prego  . Penso
que (Deus) já passou da hora de olhar de verdade para suas criaturas,
deixar de lado seu (egocentrismo) e fazer sua parte e ou pelo menos
interferir de forma mais objetiva no sentido de conter a violência
que esta nos levando aos caos total e irrestrito. Deus é onipotente,
onisciente e onipresente, portanto ele sabe de tudo, vê tudo e
esta em todos os lugares e mesmo assim
ele é pequeno diante de todas  as maledicências
que afloram de forma abundante entre os homens .
Perante a tais fatos eu, na primeira pessoa do singular,
me sinto aviltado e injuriado diante da incapacidade
de Deus em fazer sua parte e reconhecer que o (livre arbítrio)
foi uma forma que Deus criou para tirar o dele da reta quando
percebeu que sua criatura já tinha nascido com vontade própria.
 
Por;
Jose Aparecido Botacini.
 
 
 
 

 

Compartilhar
Jose Aparecido Botacini
18/05/2018

  • 1 comentário
  • 60 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados