Site de Poesias

Menu

ONDAS DE LEMBRANÇAS


Deixe me lembrar,
lembrar dos momentos,
momentos, que jamais regressarão.
 
Tantos sonhos,
sonhos de ficarmos juntos,
juntos, para uma vida inteira.
 
Tantas promessas,
promessas que se perderam,
perderam-se, dentre inúmeras décadas.
 
Tudo se alterou,
alterou se também,
as nossas faces, que hoje,
que hoje trazem profundas marcas,
marcas, que o tempo lentamente esculpiu.
 
Aos poucos, tudo voltara,
voltara a ser pó,
pó, o inicio,
o início...
 
_Pedro A. D. Moraes_
17/03/2018 Sábado
23 h 20 min

Compartilhar
Pedro A. D. Moraes
17/03/2018

  • 0 comentários
  • 34 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados