Site de Poesias

Menu

PASSEIO DAS ILUSÕES

 

Quando eu parar pra pensar em meus doces 

e cálidos lamentos,não estarei só, nesse ilusório mundo de ilusões.

Passeando lembrarei que não estive só,mas me isolei.

Busquei abrigo na solidão,por momentos apenas, enquanto quis

me sentir assim,pensarei que fiz escolhas,tive escolhas,e que fiz delas

degraus imaginários para meus atormentados momentos de súplicas,

por algo impalpável ,e ás vezes sombrio,não claro, e que agora luto pra esquecer.

 

 

Compartilhar
Pituchinha
28/12/2017