Site de Poesias

Menu

TREMENDO NAS BASES!

Já vivi neste mundo mil momentos
De emoções, fantasias e surpresas;
Já passei por desditas que nem sei
Como pude usar minhas destrezas!

Mas, eu acho que se pude e, assim, o fiz,
Foi por conta do meu sano equilíbrio
Que no vigor da minha mocidade
Mostrava-se no auge do seu brio!

Bem depois, eu julguei haver perdido
O furor tão comum naquelas fases,
E também esquecido os tempos idos.

Mas, hoje eu encontrei tu que me trazes
A certeza de que não estou entorpecido
E, como nunca, vivo a tremer nas bases!

Autor: José Rosendo

Compartilhar

Nazarezinho, 03 de maio de 2006


03/05/2006