Site de Poesias

Menu

(De Novo) ... Ah, Saudade ...

Mais uma manhã
A saudade tenta chegar
Com muito esforço, tento espantar
Os pensamentos que me levam à ela
Lembro-me do sofrer
Lembro-me do penar
De tudo que esse amor
Me trouxe (além de dor)
Volto a pensar ...
Mas passou
O dia enfim começou
A saudade espanto
Brecando o pranto
Que lentamente teimava em descer
Enchendo meus olhos d’água
Trazendo de volta a mágoa
Que tanto esforço eu fiz pra (te) esquecer.

Compartilhar

02/05/2006

  • 0 comentários
  • 149 visualizações neste mês
  • © Todos os direitos reservados