Site de Poesias

Menu

História Banal

Façamos de conta que nada acabou,
Recomecemos do instante em que tudo parou,
Congelemos a história banal de nós dois,
Mudemos o enredo,o cenário,o depois...

Demos a ela o melhor colorido
E nas cenas de amor,efeito especial!
Uma música suave...fundo musical,
Refeita a história,só falta o final...

Mudando "as externas",surge o essencial,
Difícil mudar sua alma,seu "eu"...
Impossível acordar um amor que morreu.

Que a história prossiga em seu curso normal,
Me dou por vencida...proponho afinal,
Outra protagonista no papel principal.

Compartilhar

Uma história de amor,como tantas outras...amor não correspondido que apesar dos esforços para recuperá-lo,foi tudo em vão.Fazer renascer um amor que morreu é impossível.


01/05/2006