Site de Poesias

Menu

Mãe, quero ver Deus!

Eu estou tão longe de casa.

São terríveis caminhos e eu não consigo voltar.

Mais ou menos não é muito bom. 

Meu pai me disse seja o melhor.


Tocar guitarra.

Eu faço isso mal e é a única coisa que eh sei fazer bem.

Escolhi tocar bares.

E minha mãe me disse: faça o seu melhor.


Mais ou menos não é muito bom. 

Meu pai me disse: seja o melhor - e único. 

Saia da minha casa e procure pelo seu ouro.

Ninguém se importa com você, desculpe, filho, você está sozinho. 


Eu escolhi tocar nos bares.

E minha mãe me disse: faça o seu melhor. 

Você deixou minha casa, agora vá encontrar o amor. 

Siga seu coração. E lembre-se filho -

Deus está acima de nós. 


^Eu espero que vá tentar, ser alguém diferente,

Ser um homem, honesto e verdadeiro, 

Então, finalmente, eu verei você em paz.

Então eu vou ver você encontrar a paz e o amor.^

 

Todos esses conselhos, 

E agora você pode me encontrar na estra da tristeza. 

Satan disse pra mim: 

Cave isso mais fundo que você vai encontrar
sua esperança - morta.

Não há salvação pra você, 

Então porque não me dá sua alma - garoto.
Eu prometo prometo você o melhor,
o sucesso e os prazeres.
Eu sou o diabo, eu posso te dar tudo o que quiser.
Tudo o que quiser eu posso te dá.  
Você está comigo ou está contra mim.
Tudo o que você constrói, sou eu quem destrói.
Você tem que aprender que
o seu coração é meu brinquedinho. 


(Alexandre:)

^Jesus, onde está você? 

Não pode ver, eles tem me feito de cego. 

Eu só quero 

Estar perto e amar o Senhor. ...^ 

(Jesus)

-Filho meu, eu posso te ouvir. 

Aguente suas lutas, minha justiça virá cedo.

Ame seus inimigos e faça como eu faria.

(Alexandre)

-Jesus, tudo o que eu quero é ser um homem como você. MAS,


--> não importa quanto eu fuja,  

demônios me caçam me dia após dia e eu estou derrotado.

 

Agora, eu não posso fugir, eu não posso me esconder.

Eu só quero encontrar a minha paz e voar como pássaros no céu

 

E MINHA mãe me disse: para de estrangeirismo, procure a verdade e a luz, e sairá deste abismo

cheio de ambição, cheio de maldade, na fogueira da tolice queimará em vaidade.


(Alexandre:)

- Mãe, por favor, não vá: não me deixe sozinho. Eu amo o seu abraço, suas lições e o seu carinho. 


(Mãe:)

- Filho, olhe para o sol, seus olhos vão doer, mesmo quase fechados uma luz você vai ver. 

Procure a luz mais forte que dilascere a escuridão, procure pelo toque que te puxe pela mão. 

Abre os seus olhos e ao criador poderá ver, filho esse tem que ser o seu maior querer. 


(Alexandre:)

*Mãe, quero ver Deus!

Morar, lá no seu lar... 

Eu quero ver Deus!*


Cria em mim, oh, Deus, um coração igual ao teu...

Compartilhar

Você pode ouvir o áudio dessa canção em seu áudio original entrando em contato com Alexandre Cezar Fh. Aracati - Ceará

Alexandre Cezar Fh
25/07/2017